sexta-feira, 28 de abril de 2017

Avance sempre

Resultado de imagem para imagem Avance sempre

Avance sempre


Na vida as coisas, às vezes, andam muito devagar.

Mas é importante não parar.

Mesmo um pequeno avanço na direção certa já é um progresso, e qualquer um pode fazer um pequeno progresso.

Se você não conseguir fazer uma coisa grandiosa hoje, faça alguma coisa pequena.

Pequenos riachos acabam convertendo-se em grandes rios.
Continue andando e fazendo.

O que parecia fora de alcance esta manhã vai parecer um pouco mais próximo amanhã ao anoitecer se você continuar movendo-se para frente.

A cada momento intenso e apaixonado que você dedica a seu objetivo, um pouquinho mais você se aproxima dele.

Se você pára completamente é muito mais difícil começar tudo de novo.

Então continue andando e fazendo.

Não desperdice a base que você já construiu.

Existe alguma coisa que você pode fazer agora mesmo, hoje, neste exato instante.

Pode não ser muito mas vai mantê-lo no jogo.

Vá rápido quando puder. Vá devagar quando for obrigado.


Mas, seja, lá o que for, continue. O importante é não parar!!!

Autor: Desonhecido



Advance always


Life, sometimes, they're too slow.

But it is important not to stop.

Even a small step forward in the right direction that's progress, and anyone can make a little progress.

If you are unable to do something great today, do something small.

Small streams end up becoming great rivers.
Keep moving and doing.

What seemed out of reach this morning is going to sound a little bit closer tomorrow in the evening if you continue moving forward.

Every time intense and passionate that you dedicated to your goal, a little bit more you approach him.

If you stop it completely is much more difficult to start all over again.

So keep moving and doing.

Don't waste the foundation that you have built.

Is there anything you can do right now, today, at this very moment.

It may not be much but it will keep you in the game.

Go fast when I can. Go slowly when I can help it.


But, whatever, go ahead. The important thing is not to stop!


Author: Desonhecido

quarta-feira, 26 de abril de 2017

sábado, 22 de abril de 2017

Uma Lição de Meu Pai

Resultado de imagem para imagem Uma Lição de Meu Pai


Uma Lição de Meu Pai


Cada um dos sete filhos trabalhou na loja de nosso pai, nossa própria loja de departamentos. 

No inicio fazíamos pequenos trabalhos como varrer o chão, arrumar as prateleiras e fazer embrulhos, e mais tarde, quando tínhamos experiência, atendíamos aos clientes. 

Trabalhando e prestando atenção, nós aprendemos que trabalhar era mais do que sobreviver e vender. 

Uma lição ficou gravada em minha mente. 

Era próximo do natal. 

Eu estava na oitava série e trabalhava à noite, ajeitando a seção de brinquedos. 

Um pequeno garoto, com uns cinco ou seis anos, entrou. 

Ele vestia um desgastado e sujo casaco marrom. 

O cabelo despenteado. 

O tênis rasgado e desamarrado. 

O garoto me pareceu muito pobre - demasiado pobre para ter dinheiro para comprar qualquer coisa. 

Olhou em torno da seção de brinquedos, pegava um brinquedo, olhava atentamente e devolvia com cuidado ao seu lugar. 

Papai desceu as escadas e caminhou até o menino. 

Seus olhos azuis sorriam e a covinha no rosto sobressaía quando perguntou ao menino o que poderia fazer por ele. 

O menino disse que procurava um presente de natal para dar a seu irmão. 

Impressionou-me como papai o tratou com o mesmo respeito com que tratava a todos os clientes. 

Papai lhe disse para ficar à vontade e procurar com calma. 

Aproximadamente 20 minutos depois, o menino escolheu um brinquedo, foi até meu pai e perguntou, - Senhor, quanto custa este?

- Quanto você tem? Meu pai perguntou. 

O menino enfiou a mão no bolso e retirou algumas moedas.
- 27 centavos.

O preço do brinquedo escolhido era $3,98.
- Mas que sorte! É exatamente o quanto custa! Meu pai lhe disse e fechou a venda. 

A resposta de papai ainda soa em meus ouvidos. 

Eu pensava nisto enquanto embrulhava o presente. 

Quando o menino saía da loja, eu já não observava a roupa suja e desgastada, o cabelo despenteado, ou o tênis rasgado e desamarrado. 

O que eu via era uma criança radiante levando um tesouro. 

Tradução do texto de LaVonn Steiner 



Original

A lesson from My Father


Each of the seven children worked in the shop of our father, our own department store.

At the beginning we did small jobs like sweeping floors, tidy shelves and make packages, and later, when we had experience, receive guests.

Working and paying attention, we learned that work was more than survive.

A lesson was engraved in my mind.

It was around Christmas.

I was in the eighth grade and worked at night, working on the toy section.

A little boy, with about five or six years.

He wore a frayed and dirty brown coat.

The unkempt hair.

The torn and shoes untied.

The boy seemed very poor-too poor to have money to buy anything.

Looked around the toy section, pick up a toy, I looked carefully and returned with caution when your place.

Dad came down the stairs and walked up to the boy.

His blue eyes smile and dimple on her face popped when he asked the boy what he could do for him.

The boy said he was looking for a Christmas gift to give to your brother.

It struck me how dad treated with the same respect with which addressed to all customers.

Daddy told him to stay at home and find it easy.

About 20 minutes later, the boy picked a toy, went to my father and asked, Sir, how much is this?

-How much do you have? My father asked.

The boy stuck his hand in his pocket and pulled out some coins.
-27 cents.

The price of the chosen toy was $3.98.
-What luck! That's exactly how much it costs! My father said and closed the sale.

Dad's answer still rings in my ears.

I thought of this while I'd wrap the gift.

When the boy left the store, I haven't watched the dirty clothes and worn, hair disheveled, or torn and shoes untied.

What I saw was a kid taking a radiant treasure.

Translation of the text of LaVonn Steiner

quinta-feira, 20 de abril de 2017

Parábola do gato e o rato

Resultado de imagem para imagem o gato e o rato

Parábola do gato e o rato

Certa feita um gato montês e um rato habitavam a mesma árvore na selva; o rato morava num buraco da raiz e o gato nos galhos, onde se alimentava de ovos de pássaros e de filhotes inexperientes. O gato também gostava de comer ratos, mas este de nosso conto conseguia manter-se fora do alcance de suas garras.
Um dia veio um caçador e armou habilmente uma rede sob a árvore e, naquela noite, o gato ficou preso em suas malhas. O roedor, contente, saiu de seu esconderijo e experimentou um prazer enorme ao andar em volta da armadilha, mordiscando a isca e tirando o máximo proveito daquela situação. 
Logo se deu conta de que dois outros inimigos haviam chegado: um pouco mais acima, entre a escura folhagem da árvore, pousou uma coruja de olhos resplandecentes prestes a lançar-se sobre ele, enquanto que por terra se aproximava, sorrateiramente, um mangusto. O rato, sem saber o que fazer, maquinou com rapidez um surpreendente estratagema. Dirigindo-se ao gato disse-lhe que o libertaria, roendo as malhas, se antes lhe permitisse entrar na rede e abrigar-se em seu colo. Mal o outro concordou, o pequeno animal, aliviado, foi para dentro da rede.
Todavia, se o gato esperava ser salvo de imediato sofreu uma grande decepção, pois o rato aninhou-se confortavelmente em seu corpo, escondendo-se de modo a fugir dos olhares atentos de seus dois outros inimigos; e então, uma vez seguro em seu refúgio, decidiu tirar uma soneca. O gato protestou mas o rato disse que não havia pressa. Ele sabia que poderia safar-se a qualquer instante e que a seu contrariado hospedeiro só restava ser paciente, na esperança de obter a liberdade.
E então, o roedor falou francamente ao seu inimigo natural que iria esperar pelo caçador. Desse modo, o gato também estando ameaçado, não aproveitaria sua independência para apanhar e devorar seu libertador. O felino nada pôde fazer; seu pequeno hóspede cochilou bem no meio de suas garras. O rato esperou tranqüilamente a chegada do caçador e, quando viu o homem aproximar-se para examinar as armadilhas, cumpriu sem risco sua promessa roendo as malhas com rapidez e pulando em sua toca, ao passo que o gato, num salto desesperado, escapuliu e alcançou um galho, livrando-se da morte certa.
Depois que o frustrado caçador afastou-se carregando sua rede inutilizada, o gato desceu da árvore e, aproximando-se à morada do rato, chamou-o docemente, convidando-o para sair e reunir-se ao seu velho companheiro. Disse-lhe que a situação em que se viram envolvidos na noite anterior já havia passado e a ajuda que cada um prestara tão lealmente ao outro, na luta em comum pela sobrevivência, havia consolidado uma união duradoura que apagava todas as diferenças anteriores. Dali em diante, os dois seriam amigos para sempre, baseando-se numa confiança mútua.
Porém, o rato mostrou-se cético e inarredável diante da retórica do gato; recusou-se terminantemente a sair do abrigo seguro em que estava. Uma vez terminada a situação paradoxal que os havia colocado juntos numa estranha e temporária cooperação, não havia palavra que pudesse persuadir o arguto animalzinho a se achegar a seu inimigo natural. Para justificar sua recusa aos galantes mas insidiosos sentimentos do outro, o rato pronunciou a fórmula destinada a servir de moral ao conto. Disse, franca e diretamente:
"No campo da batalha política não existem coisas como uma amizade perdurável".

Autoria desconhecida


Parable of the cat and the mouse


Some made a cat and a mouse mountain inhabited the same tree in the jungle; the mouse lived in a hole of the root and the cat on the branches, where they fed on bird eggs and chicks in green. The cat also liked eating rats, but this of our tale couldn't keep out of the reach of his claws.
One day came a Hunter and pitched skillfully a network under the tree and, that night, the cat got stuck in their meshes. The rodent, happy, out of your cache and experienced a tremendous pleasure to walk around the trap, nibbling the bait and taking full advantage of that situation.
Soon he realized that two other enemies had arrived: a little further up, between the dark foliage of the tree, landed a bright-eyed OWL about to embark on it, while on the ground approached, surreptitiously, a Mongoose. The mouse, not knowing what to do, contrived quickly an astonishing ruse. Addressing the cat told him free, gnawing the meshes, if before you allow enter and shelter in your lap. Wrong the other agreed, the little animal, relieved, went inside the network.
However, if the cat was hoping to be saved immediately suffered a big disappointment, because the mouse cuddled up comfortably in your body, hiding in order to escape the watchful gazes of his two other enemies; and then, oncesecure in your refuge, decided to take a NAP. The cat protested but the mouse said there was no rush. He knew he could make it at any time and that your upset host just remained patient, hoping to get to freedom.
And so, the rodent spoke frankly to your natural enemy that would wait for the Hunter. In this way, the cat also being threatened, wouldn't your independence to catch and devour your deliverer. The cat could do nothing; your little guest fell asleep right in the middle of their claws. The mouse waited quietly and Hunter's arrival, when he saw the man approach to examine the pitfalls, served without risk your promise biting the meshes quickly and jumping in your plays, while the cat, a desperate leap, slipped away and reached a branch, getting rid of certain death.
After the frustrated Hunter walked away carrying your network destroyed, the cat came down from the tree and, approaching the abode of mouse, called the sweet, inviting him to come out and meet the your old partner. I told him that the situation in which were involved in the night before had already passed and the help that each "as loyally to another, in the fight for survival in common, there was a lasting Union consolidated erased all the previous differences. From then on, the two would be friends forever, based on mutual trust.
However, the mouse was shown to be skeptical and inarredável on the rhetoric of the cat; flatly refused to leave the shelterthat was. Once the paradoxical situation that had put together in a strange and temporary cooperation, there was no word that could persuade the astute little animal to draw near to your natural enemy. To justify your refusal to gallant but insidious feelings on the other, the mouse pronounced the formula designed to serve as a moral to the tale. Said, franca and directly:
"In the field of political battle there's no such thing as an enduring friendship".

Unknown authorship

quarta-feira, 19 de abril de 2017

Mensagem da semana

Está semana temos mais um feriado! É tempo de descansar ficar em família, renovar as energias.

Tempo para descansar das obrigações do dia-a-dia. 

Bom feriado!





fonte: imagens de bom dia amor

domingo, 16 de abril de 2017

Odeio meu pai.





 Olá, caros amigos hoje trouxe mais um vídeo emocionante do canal Legendadus para compartilhar com vocês.

quinta-feira, 13 de abril de 2017

Lembre-se da Verdade

Resultado de imagem para mensagem de pascoa

Lembre-se da Verdade


Se você lamenta hoje com vaidade seus cabelos brancos pelas primaveras que já passaram... Lembre-se daqueles que se foram e não tiveram a chance de aproveitar sua bela juventude.
Se você hoje é muito pobre, humilde por falta de emprego, passa muita dificuldade... Mas sempre sente vontade de ajudar o próximo nas horas difíceis da vida é porque sua riqueza maior está no fundo do seu coração. Que é Jesus e o próprio deixou escrito: "é dando que se recebe".
Se você hoje chora sentindo saudade de um filho que seguiu seu rumo em busca dos seus sonhos, lembre-se daquelas mães que viram seus filhos sendo mortos sem nenhuma razão.
Se você hoje lamenta e não tem o prato predileto para a ceia de natal, lembre-se daqueles que têm fome e sua casa é qualquer banco de praça.
Se você agora está passando momentos difíceis na sua vida lembre-se que Deus existe e que sempre está entre nós e que o choro pode durar uma noite inteira, mas com certeza a alegria virá pela manhã.
Não existe um céu sem estrelas, assim como não irá existir felicidade se você não amar a Deus sobre todas as coisas.
Não existe o nascer de uma bela manhã sem o canto dos pássaros, não existe luta e vitória se você não enfrentar a guerra.
Não existe nada no mundo que Deus não possa fazer, por isso acredite e tenha Fé.


Autor: Desconhecido


Original

Remember the Truth


If you regret today with his white hair vanity by springs that have passed ... Remember those who are gone and have not had the chance to enjoy your beautiful youth.
If you today is very poor, humble by lack of jobs, a lot of trouble. But always feel like helping others in difficult times of life is because your greatest wealth is at the bottom of your heart. Who is Jesus and wrote: "it is in giving that we receive.
If you today cry feeling miss a son who followed your direction in search of their dreams, remember those mothers who saw their children being killed for no reason.
If you today regrets and does not have the favorite dish for Christmas dinner, remember those who are hungry and your House is any park bench.
If you are now going through difficult times in your life remember that God exists and that is always between us and the crying may last an entire evening, but surely the joy will come in the morning.
There is no sky without stars, just as there will be happiness if you don't love God above all things.
There is the dawn of a beautiful morning without the singing of the birds, there is no fight and victory if you don't face the war.
There is nothing in the world that God can't do, so I believe and have faith.

Author: Unknown